1.   
    Home
  2.  > 
    Hyundai Explica
  3.  > 
    Entenda como o airbag funciona e sua importância para a segurança

Hyundai Explica 12/01/2021

Entenda como o airbag funciona e sua importância para a segurança

pastilhas de freio

Conforto, tecnologia e motores eficientes são fatores importantes para a criação de um bom veículo. No entanto, nenhuma dessas qualidades supera a segurança, que como diz a sabedoria popular, sempre deve estar em primeiro lugar. Por isso, elaboramos este post para falar sobre o airbag. Afinal de contas, você sabe como esse componente funciona? Caso não, tudo bem. O nosso objetivo é oferecer essa introdução no tema, demonstrando a importância desse sistema, assim como a sua composição, funcionamento e manutenção. Então, não perca tempo e acompanhe!

Qual a importância do airbag?

A começar pela curiosidade mais simples e autoexplicativa. Figurativamente, os airbags funcionam como bolsas de ar, que se inflam em momentos estratégicos para evitar que os ocupantes dos veículos se choquem violentamente contra as superfícies e instrumentos da cabine. Imagine que, na ausência dos airbags, não há nada para suavizar o impacto de uma colisão. Sem os tradicionais airbags de volante e porta-luvas, tanto o condutor como o passageiro se chocarão diretamente com esses elementos. E o mesmo vale para airbags adicionais, como os laterais e os de cortina, que se inflam protegendo os ocupantes de baterem a cabeça, os braços e as pernas nas colunas laterais e janelas do veículo. O airbag, mais do que qualquer outra coisa, é uma tecnologia que salva vidas, presente tanto no HB20 Vision como em todas as versões da linha HB20 e Creta. Inclusive, é importante notar o pioneirismo da Hyundai nesse tema. Ao momento da redação deste artigo, o Brasil exige por lei apenas os airbags frontais. No entanto, considerando a proteção de seus clientes, a Hyundai incluiu 4 airbags, sendo 2 frontais e 2 laterais de série ou através dos Packs, garantindo ampla segurança em todas as versões do compacto HB20. Se subirmos a escada no lineup da marca, chegamos no Creta, o belo e tecnológico SUV compacto. Esse modelo, especialmente nas versões Limited e Prestige, oferece ainda mais segurança, pois, além dos airbags frontais e laterais, acrescenta dois de cortina, maximizando a proteção dos ocupantes da segunda fileira.

Quais os componentes do sistema de airbag e como eles funcionam?

Tecnicamente, os airbags costumam ser compostos por sete elementos, mais a luz de notificação no painel. Agora, conheça cada um deles e suas funções!

Sensores de impactoIdentificam e interpretam a colisão.

Unidade de comando eletrônicaRecebe os sinais dos sensores, interpreta a desaceleração brusca e determina o acionamento dos dispositivos do sistema.

Bolsas de arLiteralmente, esses são os airbags, sacos de alta resistência que inflam em 40 milissegundos após o comando da central.

Pré-tensionadoresMecanismos que tensionam os cintos de segurança em 20 milissegundos, bloqueando o deslocamento do ocupante.

Sensor de ocupaçãoComponente que monitora a presença de ocupantes sobre o banco, comunicando essa informação à central, que determina a ativação das bolsas nessa região conforme necessário.

Gerador de gásDispositivo pirotécnico que provoca uma reação química, controlada e de altíssima velocidade, resultando na geração de gás que infla as bolsas em curtíssimo tempo.

Mola relógioTambém conhecido como contato rotativo, esse mecanismo garante a integração direta entre o airbag do volante do motorista com a central eletrônica.

Luz de notificaçãoA lâmpada de anomalia fica no painel de controle do veículo e indica que há um problema que deve ser avaliado no sistema de airbags. Por fim, vale a pena destacar alguns cuidados fundamentais na manutenção desse sistema. Para o proprietário, a única recomendação é para que não ignore a luz de anomalia, levando o veículo a uma oficina especializada imediatamente para garantir que o sistema esteja operante e funcional a todos os momentos. Agora que você tem um bom conhecimento sobre o sistema de airbag, aproveite para espalhar essas informações com os seus amigos e familiares. Basta compartilhar este artigo nas suas redes sociais!

Sigam as nossas redes:

Veja também