1.   
    Home
  2.  > 
    Descubra
  3.  > 
    Um guia explicativo sobre os cuidados com a saúde em seu dia nacional

Descubra 05/08/2020

Um guia explicativo sobre os cuidados com a saúde em seu dia nacional

Qualidade de vida, consciência e responsabilidade. Esses são os temas do conteúdo de hoje, no qual falaremos sobre a importância dos cuidados com a saúde. Pelo choque causado pela pandemia do novo coronavírus, mais do que nunca, a sociedade está prestando atenção a esses detalhes. Além disso, estamos em um momento especial para discutir esse assunto: 5 de agosto. Caso não saiba, essa é a data em que comemoramos o Dia Nacional da Saúde, uma celebração fundamental para enaltecer as pessoas que se arriscam pela nossa qualidade de vida. Então, não perca tempo e acompanhe!

O Dia Nacional da Saúde no Brasil

Em 2020, o dia 5 de agosto pode parecer um pouco aleatório. No entanto, a história nos conta o contrário, demonstrando que esse dia é realmente especial na cronologia médica brasileira.

A escolha da dataEm 5 de agosto de 1872, nasceu Oswaldo Cruz, um dos médicos mais emblemáticos no combate a epidemias, sendo o nome de maior peso histórico na medicina brasileira. Frequentemente, ele é relembrado como um personagem revolucionário, com um olhar criativo e astuto sobre o comportamento das doenças tanto no organismo como na sociedade. Em pleno século 20, Oswaldo percorria cidades afetadas pela febre amarela, aplicando, como principal medida de combate, as boas práticas sanitárias, selando caixas-d’água e averiguando as condições de saúde de cada um dos ocupantes das casas pelas quais passava, com consciência e . humanidade Naquela época, já apresentava o mesmo ímpeto que muitos profissionais viriam a demonstrar gerações mais tarde no combate à pandemia do novo coronavírus. Em 1907, Cruz seria celebrado no Congresso Internacional de Higiene e Demografia de Berlim, sendo reconhecido como o acadêmico responsável pela erradicação da febre amarela. Desse momento, avançamos para 1971, quando o Decreto 5.352 foi publicado no Diário Oficial da União determinando que 5 de agosto seria uma data dedicada à valorização dos profissionais da saúde, celebrando e estimulando o respeito por essa categoria fundamental a todos os períodos da nossa história.

As vitórias da nossa medicinaA escolha da data é justa. Afinal de contas, o Brasil sempre foi um berço virtuoso para o surgimento de mentes criativas, sobretudo nas áreas médicas. Além da febre amarela, erradicamos doenças como a varíola (em 1971), a poliomielite (em 1994), a rubéola (em 2015) e o sarampo (em 2016). Além disso, o Brasil sempre ocupou um posto de referência nas estratégias contra determinadas doenças. O exemplo de maior destaque são os programas de combate ao HIV/Aids, que, ao garantir a distribuição gratuita dos remédios, revolucionaram a forma como os demais países lidam com o problema. Também vale lembrar a resposta rápida da comunidade científica brasileira à epidemia do vírus zika. Por fim, o Brasil coroa sua herança histórica no comprometimento médico com a criação e manutenção do SUS. Entre os países com mais de 200 milhões de habitantes, somos o único a oferecer um sistema universal de saúde. É com isso em mente que se deve comemorar o 5 de agosto, enaltecendo cada desafio e obstáculo superado pela competência da nossa comunidade médica, que é comprometida com garantir conforto, segurança e qualidade de vida para os brasileiros de hoje e do futuro.

Os motivos para cuidar da saúde

Mas, afinal de contas, por que você deveria cuidar da sua saúde? Por mais importante que seja essa ideia, muitas pessoas se apoiam no avanço da medicina para justificar um comportamento negligente com o próprio corpo. Por isso, é muito importante enxergar onde está o erro nesse argumento. Até certo ponto, a lógica é correta. A tecnologia médica, laboratorial, química e biológica vem evoluindo a passos largos, sobretudo agora, durante a pandemia. Mesmo antes disso, os avanços eram claros e motivo de celebração. Curas sendo encontradas, doenças erradicadas, medicamentos desenvolvidos e diagnósticos cada vez mais antecipados, eficientes e precisos. No entanto, a biologia segue desafiando as melhores mentes e máquinas aplicadas no campo médico. O corpo humano, bem como suas deficiências, vulnerabilidades e desgastes, nem sempre segue um padrão previsível, tal como seria na observação de uma ciência matemática. Mesmo que os avanços nos façam viver mais, ainda é fundamental adotar um comportamento responsável com relação à nossa saúde, pois são esses os cuidados que melhoram a experiência de estarmos vivos. Com saúde, você tem tempo, disposição, vontade e entusiasmo para enfrentar cada aleatoriedade da vida, seja boa ou ruim. Além disso, aumenta a probabilidade de estar bem e alegre na companhia das pessoas que ama, acompanhando momentos determinantes na sua história familiar e profissional. Agora, conheça os principais motivos para investir na sua saúde!

Viver melhorA primeira razão é a mais óbvia de todas: você deve cuidar da sua saúde porque isso está diretamente conectado à sua qualidade de vida. Afinal de contas, a morte nem sempre é um episódio inusitado, rápido e livre de dor. Nesse sentido, cuidar da saúde é uma prática preventiva, que minimiza as chances de sofrimento ao longo da vida. Além desse pensamento, os cuidados com a saúde também demonstram vantagens no curto prazo. A adoção de hábitos sustentáveis e atléticos impacta diretamente a forma como você encara a vida. Quanto maior a sua exposição a exercícios físicos, relacionamentos e boa alimentação, melhor a sua qualidade de vida. Os cuidados com a saúde criam um círculo virtuoso. No fim das contas, a boa alimentação, a perda de sobrepeso, o abandono de vícios e a exposição ao meio ambiente contribuem para a manutenção do seu bom humor, mantendo você mais alegre e propenso a uma mentalidade amigável. E não pense que isso fará com que você perca a competitividade característica de um profissional sério. Na realidade, a ausência do estresse tende a melhorar o seu desempenho, alavancando o seu carisma e resistência física para lidar com as dificuldades do trabalho.

Conquistar objetivosEm um segundo momento, os cuidados com a saúde são uma estratégia complementar à conquista das suas metas, sejam pessoais, financeiras, profissionais, acadêmicas ou familiares. Não importa qual o seu objetivo, é fundamental contar com boa saúde. Naturalmente, o ambiente corporativo, muitas vezes, exige um comportamento obsessivo, em direção a alguma meta específica, seja uma promoção, um aumento ou uma bonificação. Mesmo que certos sacrifícios devam ser feitos, você deve manter a sua saúde controlada inclusive nos períodos de maior turbulência. É nesse sentido que você deve valorizar os seus relacionamentos, seja com familiares, amigos, colegas ou animais de estimação. Por sermos seres sociais, a interação com terceiros é fundamental para a manutenção de uma mente saudável, calma e tolerante. Inclusive, essas qualidades são importantes para quem busca alcançar objetivos de longo prazo. Afinal de contas, a vida não é previsível. Isso significa que você encontrará situações inusitadas com certa frequência. É para esses momentos que será preciso ter uma cabeça pensante e resiliente, capaz de lidar com os problemas com tranquilidade, transparência e responsabilidade.

Manter relacionamentos de mais qualidadeComo dissemos, os cuidados com a saúde formam um círculo virtuoso. Em um efeito cascata, os bons hábitos e comportamentos tornam você uma pessoa mais agradável, carismática, tolerante e paciente. Isso significa que você melhora as suas habilidades de manutenção de relacionamentos com quem quer que seja. No entanto, essa melhoria é vista principalmente no cenário familiar, em que um comportamento mais calmo e carinhoso resulta em um ambiente com menos brigas, tensões e problemas. Por isso, cuidar da sua saúde não é apenas uma forma de estender o seu tempo e qualidade de vida, mas, também, de melhorar a sua personalidade e como as outras pessoas interagem com ela. No longo prazo, essa versão mais bem-humorada de você mesmo causa um impacto positivo na sua jornada, fazendo com que a sua família crie um ambiente de respeito e amizade.

Realizar grandes sonhos Viajar por 100 países, visitar os maiores museus e institutos de arte do mundo, ler os 500 melhores livros de ficção de todos os tempos: seja qual for a sua grande meta, a saúde pode facilitar essa jornada. Afinal de contas, você sempre deve olhar com respeito para o desgaste natural das suas capacidades. Parte essencial de uma vida plena é a chegada à terceira idade, uma fase em que você já acumulou experiências e recursos e que demanda um uso do tempo pautado pelo prazer e inteligência. Nesse sentido, os cuidados com a saúde ajudam a preservar o bom funcionamento do seu corpo para viver esses grandes momentos.

Realizar e acompanhar os sonhos e conquistas de quem você amaEvidentemente, as conquistas profissionais são importantes, assim como as nossas metas e desejos individuais, que são combustíveis para que sigamos em frente. No entanto, a formação de uma família é algo especial na vida, pois cria um laço invisível, mas sólido entre pessoas de um mesmo grupo. A partir desse momento, a sua felicidade não é exclusivamente sua, mas compartilhada para a realização dos anseios de quem você ama. Naturalmente, esse é um exemplo que falará mais alto àqueles que têm filhos, bastando imaginar o orgulho de vê-los se formando em boas universidades e conquistando os próprios sonhos. No entanto, a mesma sensação é percebida entre os casais sem filhos, que compartilham a felicidade de crescer juntos em direção aos seus objetivos. No fim das contas, não importa em qual desses cenários você se encaixa, pois a realidade é uma só: é necessário saúde para exercer o privilégio de ver as pessoas que você ama serem felizes. Pela ordem natural, é comum que filhos apresentem jornadas mais longas do que os pais. Por isso, é fundamental cuidar do seu corpo hoje para estender sua presença no futuro.

Não depender das pessoas que você amaPor último, o princípio da autossuficiência. Conforme você amadurece e caminha em direção à terceira idade, muitas das suas capacidades apresentam sinais de desgaste. Além disso, chega o momento da aposentadoria, em que você decide descansar e aproveitar a vida com mais liberdade. Para chegar a essa fase de maneira plena, é importante considerar o baixo impacto sobre a experiência das pessoas que você ama, principalmente os filhos. Logicamente, existem situações inusitadas que podem frustrar o seu planejamento, mas isso nem sempre será o caso. Na esfera financeira, você conta com toda a fase adulta para construir um patrimônio sólido, garantindo os elementos necessários para uma aposentadoria independente, que custeie seus potenciais gastos com saúde. Com essa segurança estruturada, você evita dificultar o progresso das pessoas que ama. Assim, são asseguradas as condições necessárias para que eles avancem em direção aos próprios sonhos, que trarão mais realização e alegria durante a sua experiência. Novamente, para alcançar a autossuficiência, você precisa da mesma disposição de longo prazo necessária para conquistar grandes objetivos.

Os principais hábitos que podem ajudar nos cuidados com a saúde

Movimento, prevenção e responsabilidade. De uma maneira geral, esses são os três princípios que balizam os bons hábitos com a sua saúde. É com a combinação dessas ideias que você alcança a energia necessária para alavancar a sua qualidade de vida. Um detalhe interessante sobre isso é que você deve encarar o seu corpo sob o conceito da sustentabilidade. Tudo o que você ingere e faz tem uma determinada consequência, seja positiva ou negativa, de curto ou longo prazo. No geral, você precisa adotar comportamentos que favoreçam os bons resultados, abandonando os hábitos que oferecem uma recompensa imediata seguida por consequências negativas. Veja!

Atividade físicaSimplesmente, o fundamento para uma saúde de ferro. Muitas pessoas apresentam a ideia errada sobre os exercícios físicos, correlacionando essas práticas a um esforço olímpico — portanto, impossível de ser alcançado por uma personalidade urbana. A realidade é que essa ideia não poderia estar mais errada. Todos podem e devem praticar atividades físicas. Além disso, essa é uma das práticas mais versáteis, pois você pode realizar exercícios em casa, esportes individuais ou em grupo, ir à academia etc. A lista de opções é praticamente infinita, cabendo a você escolher a que melhor se encaixa na sua realidade. E é bom saber que, além do efeito corporal, os exercícios físicos são excelentes estimulantes cerebrais. A ampla maioria dos esportes são jogos que constituem competitividade e trabalho em grupo, que são elementos que estimulam a liberação de hormônios, proporcionando vigor, prazer e alegria tanto durante como após a prática. Mesmo que não queira se associar a algum clube esportivo, você pode começar de leve, fazendo passeios mais longos com o seu pet, por exemplo. O objetivo é se apaixonar por alguma atividade, seja corrida, academia, arte marcial, vôlei, basquete, futebol, natação ou afins. Encontre um passatempo atlético no qual você se sinta feliz e carregue essa prática para o resto da vida. O seu coração agradece.

Higiene pessoalO segundo pilar da saúde é representado pelos cuidados com a sua higiene pessoal. Humanos são criados nos mais diferentes cenários. Por isso, é comum que nem todos apresentem boas práticas de higiene — em alguns casos, como um reflexo da falta de orientação durante a infância. A higiene pessoal é um princípio para o seu desempenho e amadurecimento social. Problemas como a halitose ou demais odores corporais podem impactar diretamente a forma como você se comunica, limitando sua expressão e minimizando sua autoestima. As boas práticas de higiene eliminam esses problemas, oferecendo a confiança necessária para que você aja com naturalidade em todos os momentos, sem perturbar seu comportamento com receios e preocupações sobre a sua imagem e postura. Além disso, a boa higiene depende de um hábito frequente, preventivo e eficiente para afastar uma série de doenças severas, principalmente as de origem dermatológica, bucal e genital. Aqui, não existem segredos, bastando prezar pelo bom senso, com banhos diários, escovações frequentes, uso do fio dental etc.

Higiene ambientalEsse é um aspecto externo, mas que pode interferir na manutenção da sua saúde. Os ambientes que você ocupa por longos períodos devem ser limpos. Nesse sentido, é importante podar qualquer hábito de acúmulo ou indisciplina, realizando o descarte de lixo com frequência e limpando os espaços a, pelo menos, cada 15 dias. O objetivo é evitar a convivência prolongada com partículas nocivas ao seu organismo, como fungos e bactérias. Atualmente, por conta da pandemia, essa é uma noção ainda mais importante, mas ela não vai perder relevância depois da resolução desse problema. Na medida do que você possa controlar, os ambientes em que vive, come e dorme devem ser seguros, limpos e saudáveis

Alimentação saudável Aqui, não entraremos no mérito de qual a melhor abordagem alimentar, comparando dietas, filosofias e métodos. Em um primeiro momento, o importante é que você esteja confortável com a sua decisão. No fim das contas, o que importa é garantir uma ingestão calórica compatível com o seu gasto energético em uma base diária. Esse é o fundamento de uma alimentação equilibrada e otimizada, em que você abastece o corpo com a energia necessária para o funcionamento eficiente. Além disso, você deve considerar a qualidade e composição das coisas que consome. Não estamos falando que tem que fugir de tudo que tenha um selo industrializado, para se alimentar exclusivamente de produtos orgânicos. A realidade é que você precisa entender o que está ingerindo e quais os potenciais efeitos prejudiciais de uma ingestão frequente e em grande quantidade. Um vilão clássico são os refrigerantes, que, apesar da boa sensação imediata, estão carregados de açúcares nocivos ao seu organismo no longo prazo. Mais do que isso, essa disciplina alimentar deve ser elaborada na companhia de bons profissionais nutricionistas. São esses especialistas que carregam a competência necessária para montar um plano alimentar compatível com a sua rotina e filosofia pessoal e suas condições médicas limitantes.

Acompanhamento médico regularMuitas pessoas acreditam que a visita ao médico é uma prática corretiva, ou seja, você vai ao hospital para corrigir um problema já existente. Na realidade, porém, o ideal é a abordagem preventiva, em que você faz visitas periódicas para acompanhar o desenvolvimento da sua saúde. São esses diagnósticos de rotina que facilitam a identificação de problemas com antecedência. Conhecendo esses pontos, você ganha a oportunidade valiosa de resolvê-los bem antes do prazo, impedindo que a situação se desenvolva, de modo a prejudicar outras partes da sua saúde. De muitas formas, o cuidado médico pode ser analisado sob o ponto de vista mecânico . Os automóveis contam com dois tipos principais de manutenção, a corretiva e a preventiva. A primeira serve para reparar um problema já existente, como o estouro de uma tubulação, a troca de um pneu e questões afins. Já a preventiva é um procedimento periódico de rotina. Quando você leva o carro, ele não apresenta nenhum problema. O objetivo dessa visita é que o mecânico faça um checkup geral do veículo, diagnosticando possíveis sinais iniciais de desgaste e, assim, orientando ações para evitar a propagação do problema, o que reduz os custos e afasta a possibilidade de acidentes. A mesma experiência pode ser observada no acompanhamento médico. Assim, nenhuma despesa preventivo com a sua saúde e a das pessoas que você ama deve ser visto como um gasto, mas como um investimento direto em longevidade e qualidade de vida.

A importância de valorizar os profissionais de saúdePor fim, é importante prestar uma homenagem carinhosa e honesta a todos os profissionais de saúde do Brasil, estendendo a mesma admiração aos envolvidos no combate à pandemia da COVID-19. O ano de 2020 tem sido emocionalmente pesado, exigindo resiliência e maturidade de todos nós. Historicamente, este será um período marcado por perdas, como um lembrete doloroso e constante do que realmente importa na vida: a vida. No entanto, enquanto lidamos com nossas dificuldades e desafios individuais, existem pessoas dedicando as próprias vidas no combate a uma guerra injusta, travada no invisível campo da microbiologia. Essas pessoas abrem mão do conforto de suas famílias para exercer um dos atos mais puros e honestos de caridade, doando a si mesmas para a resolução de um problema galopante. É nesse sentido que gostaríamos de parabenizar todos os profissionais envolvidos na linha de frente do combate à COVID-19. Médicas e médicos, enfermeiras, enfermeiros e assistentes de enfermagem, profissionais de limpeza e demais colaboradores: vocês merecem o nosso mais profundo respeito. Por mais difícil que seja o momento, a sociedade brasileira se orgulha de todos vocês, que honram 5 de agosto com a postura de uma comunidade corajosa, comprometida e amorosa.

Quer outras dicas práticas para cuidar do seu Hyundai? Conheça agora nosso canal no YouTube!

Sigam as nossas redes:

Veja também