1.   
    Home
  2.  > 
    Institucional
  3.  > 
    A luta das pessoas com deficiência

Institucional 27/11/2019

A luta das pessoas com deficiência

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência é uma data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) para promover a reflexão sobre os direitos da pessoa com deficiência.

A Hyundai apoia a data, celebrada em 3 de dezembro, e relembra que seu objetivo é conscientizar sobre a necessidade de prover igualdade de oportunidades a todos os cidadãos, garantindo sua inclusão na sociedade e o direito de que sua voz seja ouvida nas tomadas de decisão sobre programas e políticas que as afetem.

O tema de 2019 é “Promovendo a participação de pessoas com deficiência e sua liderança: tomando ações para a Agenda de Desenvolvimento Sustentável de 2030”. O foco é o empoderamento de pessoas com deficiência para um desenvolvimento inclusivo, igualitário e sustentável, e sua participação na tomada de ações relacionadas à lista 17 objetivos pensados para suprir os desafios ambientais, econômicos e políticos mais urgentes do mundo.

A maior minoria do mundoSegundo estimativa da ONU, cerca de 15% da população mundial convive com algum tipo de deficiência - é, como a própria organização chama, a “maior minoria do mundo”. Delas, 80% vivem em países em desenvolvimento. No conceito da ONU, deficiência é uma condição ou função considerada comprometida significativamente em relação ao padrão da população, incluindo comprometimento físico, sensorial, cognitivo, intelectual, doença mental e vários tipos de doenças crônicas. Pessoas com deficiência tendem a mais problemas de saúde, menor nível de escolaridade, menos oportunidades econômicas e maiores taxas de pobreza do que as pessoas sem deficiência - além de estarem mais suscetíveis a sofrer algum tipo de violência. Tudo isso acontece, em grande parte, devido à falta de serviços básicos, como acesso à tecnologia, comunicação, justiça ou transporte - além de fatores como estigma, discriminação e falta de informação a respeito das deficiências. Em 2006, foi criada a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência (CDPD), que reconhece que tais barreiras impedem sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais - e que a acessibilidade e a inclusão de pessoas com deficiência são direitos fundamentais. No Brasil, o Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade) é o órgão criado para acompanhar e avaliar o desenvolvimento de uma política nacional para inclusão da pessoa com deficiência.

Sigam as nossas redes:

Veja também